segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

1º BTT Ganhões- Estremoz

Como diz o João "Cavalo Selvagem" Galiano....Comemos pela medida grossa.

Já moralizados de que iríamos sofrer na Serra D´Ossa desde o inicio, devido as condições metrológicas, lá começamos a nossa jornada pelas 6.50h.
Depois de todo o material "empacotado" no jipe do Mestre Valério, lá partimos a caminho de Estremoz com a companhia constante da chuva.

Ao chegar ao local da concentração, começa as peripécias.
Levantamento dos dorsais a decorrer na normalidade até que diz o João:

Janeca : "mas o meu nome não consta na lista?"
Presidente: "mas não mandas-te o comprovativo…"
Janeca: "não, pensei que o tinhas feito…lolololololololol…"

O João não tinha dorsal atribuído, mas lá se falou com a organização e resolveu-se isso.
Apesar de termos tomado o pequeno almoço, não resistimos em reforçar as energias com os "piteus" que os SDT nos prepararam. Por momentos,passou-nos na cabeça não sair dali pois lá fora chovia e estava frio.



Já com a barriga cheia, lá nos fomos preparar e montar as bikes.

Com a partida a horas, os primeiros km eram feitos dentro da cidade a um ritmo alucinante (40km/h) até entrar-mos no percurso de terra batida.
Sempre com o mesmo discurso, "epah hoje vamos todos juntos!!! " ,lá fomos todos juntos com uma média inicial de 20km/h até chegarmos à tão esperada Serra D´Ossa.

Como diz o João:

"Ora aí está a primeira subida, presidente com ela travada fica no seu ritmo acelarado(lol), e eu e o gasoso a abrir valas profundas, e de vez em quando o grito que se ouvia naquelas encostas: Preeeesssssiiiddeeeennnnnttteeeeeee!"

Com a chuva a ser uma presença quase constante, andavamos num Sobe e Desce constante pela Serra. As descidas eram vertiginosas, de deixar qualquer amante da velocidade com um sorriso na cara cheia de lama.Galiano só gritava: "Vocês são malucos".



Ao km 23, chegou a tão esperada subida. Olhava-mos para cima,mas não tínhamos uma ideia do seu tamanho devido ao nevoeiro que se fazia sentir no local.
Galiano e Cacilhas começaram a "trepar" encosta acima enquanto que Nuno preferiu ir ao seu ritmo.

Nuno- "Sabia que iríamos fazer 3 ou 4 km seguidos a subir e não poderia faze-los ao ritmo deles. Preferi seguir o mesmo e tentar recuperar depois na descida".

João- "Ouvi dizer que foram 6 klm a subir, mas a subir mesmo ao sério, ainda disse ao gasoso para quando chegasse-mos lá a cima descíamos e subíamos outra vez, hihihihihihih, ….lembro-me de lá chegar e ver o gasoso já a despacho agarrado a qualquer cena a comer e eu só água para não gregoriar…e o presidente não sei, mas imagino como chegou lá acima…."




Depois daquele "pico" que nos separou todos, uma descida magnifica de 5km seguida de terreno mais rolante mas mais duro.

João- "…continuamos a rolar sempre com a melhor companhia que se pode ter nesta época, chuva e vento, e passados uns klm começo a ver o estado em que me encontrava (cansado e cheio de fome)…descolo do gasoso e começo a ficar cada vez mais para trás e a pensar o porquê de ser tão maluco!!!! Ouvia uns gritos de vez em quando, pensava já estar a alucinar, mas não, era o presidente com uma nova alma. Passou por mim como se fosse na sua moto todo o terreno, "Presidente não é por aí", disse-lhe com as poucas forças que me restavam… queria atalhar, não fosse ele amigo do verdadeiro atalhista!!!!..."

Com Cacilhas já lá mais para a frente, Nuno e João ainda seguiram um pouco juntos.
João estava em dificuldades (já com 90min de jogo do dia anterior) e acabou por descolar de Nuno,fazendo os últimos km sozinho.
João- "o Gasoso acabou com maior ou menor dificuldade, presidente já em sacrifício e eu sem adjectivos para qualificar o meu estado físico mas um Rider não desiste e acabei a prova de rastos mas com a consciência tranquila (quem dá tudo o que tem a mais não é obrigado)".

Para dificultar as coisas para o Duarte, já que estava a ser "demasiado fácil" para ele, este bloqueia a suspensão numa subida, não conseguindo desbloquea-la mais até final.

No final, era visível o estado de cada um pela foto abaixo.
Apesar de "termos comido pela medida grossa", o espírito era positivo, gozando uns com os outros.


À Organização, queremos dar os nossos Parabéns pela simpatia, dedicação e esforço para que tudo corre-se bem e organização de um belíssimo evento.

Clasificações:
Duarte Cacilhas- 32º - 16.8 km/h - 2:59:30
Nuno Carvalho- 42º - 16.2 km/h - 3:5:19
João Galiano- 49º - 15.7 km/h - 3:11:39


Fotos retiradas de: www.forumbtt.net
http://mscwhiteproject.blogspot.com/2010/12/estremossa.html

6 comentários:

gasoso disse...

Bom se tivermos em conta que eram 104 participantes à partida...até fizemos bonito!!! carrega RidersTT

Pêpê disse...

Tou a ver que foi mesmo pela medida grossa. Das mais grossas que pode haver!

Boa Participação!

sarrafo disse...

Por essa prespectiva,até parece que fizemos uma boa maratona oh gasoso....

gasoso disse...

pessoalmente pensei para mim durante a maratona que estivesse mais atrás...fiquei surpreendido com o resultado no final....

Merino disse...

Boas noites amigos..

Obrigada pela vossa participação no 1º BTT Ganhões...
Serra d'Ossa faz mossa lol..., e o S. Pedro também não ajudou muito...

Cmp e até uma próxima :-)

gasoso disse...

Merino excelente a vossa maratona...pena a chuva, mas isso faz parte!!! Haveremos de ai voltar, pois subir aquela serra com nevoeiro sem ver a paisagem não é nada. LOL. Num dos vossos próximos eventos com tempo mais ameno será mais agradável.
Até lá não deixes de passar por aqui e deixa sempre que queiras umas palavras.
Cumprimentos
Duarte_enrolacorrente